Procuradoria da Mulher da Alep completa cinco anos de atuação em defesa das paranaenses

0

Ao longo desse período, foram realizados cerca de três mil atendimentos em diversas áreas.

A Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) comemora cinco anos de atuação em defesa dos direitos das mulheres paranaenses neste mês. Desde a sua criação em julho de 2019, a Procuradoria tem sido essencial na proteção e empoderamento das mulheres em todo o Estado. Nesse período, foram realizados cerca de três mil atendimentos, que incluem assistência às vítimas, orientações às procuradoras municipais e funcionárias, e a mediação para a criação e aprimoramento de políticas públicas.

A deputada estadual Cloara Pinheiro, escolhida pela Comissão Executiva da Alep como Procuradora Especial da Mulher, reforça a importância de expandir o número de Procuradorias Municipais no estado. “Completamos cinco anos de muito trabalho em equipe em defesa das mulheres. Nossos atendimentos contemplam várias áreas, desde saúde até segurança. Nós viajamos por todos os municípios do Paraná, destacando a importância da Procuradoria nas Câmaras Municipais. Quando assumi o cargo de Procuradora Especial da Mulher na Alep, contávamos com 113 Procuradorias. Hoje, somos 161, e crescemos a cada dia”, destaca Cloara Pinheiro.

A Procuradoria Especial da Mulher da Alep é um órgão que representa o Poder Legislativo na Rede de Enfrentamento à Violência de Gênero. Além de defender os direitos adquiridos das mulheres paranaenses, a Procuradoria atua na mediação para o aprimoramento de políticas públicas existentes e na articulação para a criação de novas políticas públicas a favor das mulheres.

Em maio deste ano, a Procuradora Especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná, Cloara Pinheiro, foi convidada pela TV Câmara, em Brasília, para falar sobre a atuação da Procuradoria da Mulher. Isso porque o Paraná se destaca como o Estado com o maior número de Procuradorias da Mulher em todo o país.

A atuação da Procuradoria é diversa e abrangente, defendendo os direitos das mulheres em diferentes esferas, como a política, o trabalho, a escola e o ambiente doméstico. A Procuradoria está aberta para receber denúncias de discriminação, cerceamento de direitos e violência contra a mulher, promovendo os encaminhamentos necessários em busca de soluções rápidas e eficazes junto a qualquer outro órgão e instituição, sejam públicos ou privados.

“A Procuradoria da Mulher é um órgão essencial que defende todos os direitos das mulheres. Além disso, é um espaço de acolhimento para todas que precisem de apoio. Nosso compromisso é acolher, escutar e resolver”, afirma Cloara Pinheiro.

A deputada reforça que a equipe da Procuradoria está disponível para mentoria, garantindo que as Procuradorias nos municípios funcionem com a credibilidade conquistada nacionalmente. O telefone de contato com a Procuradoria da Mulher da Alep, que funciona também como WhatsApp, é o (41) 3350-4030. Denúncias podem ser feitas também pela Central de Atendimento à Mulher, no Disque 180.

Atendimentos
Desde sua criação, a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Paraná prestou cerca de três mil atendimentos, incluindo assistência às vítimas e orientações às procuradoras municipais e funcionárias. Até junho deste ano, foram 1.266 acolhimentos, entre ofícios, orientações às vereadoras e atendimentos às assistidas.

A Procuradoria está aberta, ainda, para receber denúncias de discriminação, cerceamento de direitos e violência contra a mulher, promovendo os encaminhamentos necessários em busca de soluções rápidas e eficazes junto a qualquer outro órgão e instituição, sejam públicos ou privados. A proximidade com as pessoas é o norte da ProMu, e o objetivo é estar presente em todos os 399 municípios do Paraná.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui